Beto Carrero em dois dias

28 fevereiro 2014

O parque é grande com atrações que agradam crianças, adolescentes e adultos. Eu fiquei muito surpresa (positivamente) com o grau de organização, arrumação e nível dos brinquedos. Reservei dois dias para o Beto Carrero seguindo o conselho dos amigos. Saíamos do hotel por volta das 08:30 e chegávamos um pouco depois da abertura do parque. Fomos na sexta e no sábado. Sábado, o parque estava bem mais cheio. Segundo o rapaz com quem fechamos o transfer, é nos finais de semanas que há excursões dos moradores das cidades vizinhas. A minha ideia foi aproveitar os brinquedos na sexta. No sábado, os shows e os brinquedos restantes. Então, se puder, evite os finais de semana.

Quando você chega, o próprio pessoal do parque se oferece para tirar uma foto da família em frente a entrada. Ao entrar, pegue o mapa e vá riscando as atrações que já visitaram. Se uma das pessoas do grupo for aniversariante, não pagará o ingresso. Há guichês separados só para atender os aniversariantes.

Preços dos ingressos e horário de funcionamento

Quem compra ingressos antecipadamente pela internet tem desconto. Veja em: http://www.betocarrero.com.br/loja/ Neste mesmo link, você pode saber os dias que o parque está funcionando.

Mapa com as atrações

O mapa está disponível neste link: http://www.betocarrero.com.br/arquivos/mapa.jpg

As atrações

Antes de falar das atrações, para quem nunca foi em parques a não ser os de bairros, acho interessante falar de algumas restrições:

  • Emoções fortes: há brinquedos que são proibidos para grávidas, cardíacos e pessoas com problemas relacionados à emoções fortes. Isto está identificado nos brinquedos e também no mapa do parque.
  • Restrição de altura: Mesmo que seu filho faça o tipo destemido, nem todas as atrações são para ele. Há restrições de altura. Na entrada do brinquedo, há uma régua colorida, a parte verde indica que a criança está liberada para brincar.
  • Sozinho nunca: ainda há atrações que a criança só entra se estiver acompanhada de um responsável como o “Tchibum!”.

Beto Carrero

 

Para crianças menores

Há uma parte lúdica do parque chamada “Triplikland” (letra B do mapa) com Roda gigante, a Xícara Maluca (xícaras que giram), o elefante voador, passeio de pedalinho, carrossel, autopista etc. A minha sobrinha adorou esta parte. Outro brinquedo legal é o Raskapuska que é onde a família entra num barquinho e o barquinho passa por um rio e tem várias coisas para ver dentro da montanha. No final, tem uma descidinha pequena e rápida. Neste momento, eles tiram uma foto sua e tentam te vender no final. Acho que a foto impressa custa R$ 20.

  • Montanha russa light para crianças: a minha sobrinha chamou de minhocão mas o nome oficial é Montanha russa Dum Dum, perto do teatro Acqua.
  • Tchibum: brinquedo que molha muito! Ótimo para dias de calor mas leve roupa adicional.
  • Zoológico: muito grande esta área. Tem animais exóticos como o suricato, aquele que era o Timão no desenho do rei Leão.

Triplikland. Da esquerda para direita: Rakaspuska, Acqua Boat, Praça de alimentação com carrossel duplo, roda gigante e autopista.

Para adolescentes e adultos que gostam de brinquedos radicais

Para estes, a melhor parte é a “Aventura Radical”, letra G do mapa. Há duas montanhas russas. A pior é a Fire Whip, que é a montanha russa invertida. Eu gosto de montanha russa mas não tive coragem de ir ::putz:: Para os medrosos, tem um mirante para observar o percurso do trem na montanha russa. Os outros brinquedos que dão arrepios só de olhar é a Big Tower e a Torre do Terror, que resumidos a grosso modo, são torres onde despencamos lá do alto.

Aventura Radical. Da esquerda para direita: ponto para fotos próximo a Torre do Terror, a montanha russa invertida Firewhip e o Tchibum, que apesar de estar na área da Aventura Radical, é tranquilo para crianças menores ir desde que acompanhadas de um responsável.

Shows

Assistimos a todos. Excalibur, Madagascar, Blum, Velozes e Furiosos e o Sonho do Caubói. Procure chegar sempre meia hora antes do horário previsto para o espetáculo até para pegar um bom lugar.

  •  Excalibur: um show que simula uma batalha medieval. O passeio é pago à parte (R$ 45 adulto sem bebidas). Você compra na entrada do parque. O ingresso dá direito ao show e ao almoço. As bebidas você compra já na atração.

  • Madagascar: parte nova que foi inaugurada no sábado. Tivemos sorte pois assistimos o show de estréia. Teatro lotado! Aqui tem o leão, a hipopótamo, o rei Julien e os pinguins. Show com dança, historinha dos personagens mas o melhor mesmo são os ciclistas que fazem manobras mirabolantes ao fundo do show.
  •  Blum: show de circo nos moldes do Cirque du Soleil. Proibido fotografar.
  • Velozes e Furiosos: tenho certeza que você vai adorar este show. Incrível o que esses caras fazem! Nota dez!
  • Sonho do Caubói: show que encerra as atividades do parque. Dura uma hora. É um musical que conta uma aventura do Beto Carrero no Velho Oeste, tentando ajudar uma cidade a se livrar de um bandido malvado. Muito legal, foi o show que mais gostamos. O show é no Memorial Beto Carrero.

Show Madagascar e show Velozes e Furiosos.

Inauguração da área Madagascar

Tivemos a sorte de estarmos presentes na inauguração da área Madagascar. A área tem várias lanchonetes, um espaço próprio para tirar fotos com os personagens, um teatro onde o show é realizado e o brinquedo mais disputado do dia: Crazy River, que é um bote que cabe 5 pessoas que navega sobre o “rio” do parque.  Ficamos mais de uma hora na fila. O passeio de bote é bem rápido e agradável. Não molha tanto quanto o Tchibum, o que deixou muita gente decepcionada. Convém dizer que eu fui a exceção e molhei minha bermuda toda. O pessoal que estava no bote comigo saiu sequinho, sequinho.

Madagascar: Crazy River, Lanchonete e o espaço para foto com os personagens

Outras atrações

A Vila Germânica é muito bem construída. Nesta área está a Tiger Mountain, que é uma montanha russa mais leve. Se você nunca andou de montanha russa, aconselho a ir nessa. Se continuar com medo ou sentir enjoo, então nem tente as outras, que são bem mais radicais. A criança do grupo gostou do cinema 4D (eu não assisti) e sentiu enjoo no Barco Pirata. O memorial Beto Carrero, onde é realizado o Show do Caubói, tem fotos, roupas e conta um pouco da história do idealizador do parque. Muito interessante.

Cuidado com crianças pequenas

Show da Monga

A minha sobrinha de 9 anos insistiu para ver o show da Monga. Eu contei o que era mas ela insistiu muito. Quando um grupo entra, a luz é apagada, fica um breu total. A criançada imediatamente começa a chorar. Depois começam os barulhos. É muito engraçado porque até os marmanjos ficam com medo. Eu me diverti à beça com a choradeira.  Para as crianças que estavam próximas, eu falava para elas fecharem os olhos. Não teve jeito, quando acabou a atração, minha sobrinha teve uma crise de choro com o barulho, o escuro e a gritaria das outras crianças. Não recomendo que os pais levem crianças pequenas para assistir a monga, não tem como sair!

Monga

Fotos com os personagens
Em horários marcados você pode tirar foto com os personagens. Shrek, O Kung Fu Panda e os personagens do Madagascar (menos a Zebra e a Girafa). Os horários estão no guia.

Preços de bebidas no parque

Água 500mL = R$ 4. Não há bebedouros espalhados pelo parque.
Refri 300mL = R$ 5
Suco 400mL = R$ 6

Alimentação

Preço de alimentação em shoppings do Rio. A praça de alimentação fica no Chapéu Gigante. Para distrair as crianças, há um carrossel de dois andares no meio da praça. Nós não almoçamos nos restaurantes da praça pois no primeiro dia fomos no Excalibur que já inclui o almoço e no segundo dia, pegamos uma fila imensa no Madagascar para ir no Crazy River e aí resolvemos ficar no lanchinho.

Acessibilidade

O parque é bastante acessível para cadeirantes. A única atração que toda a família quis ir e não havia rampas foi Excalibur. Então, tivemos que pedir ajuda. Em todos os shows, o cadeirante é prioridade na fila e lugar específico para ficar, junto com o acompanhante se for o caso. ::cool:: Para aqueles que tem mobilidade reduzida mas conseguem “pilotar”, o parque oferece aluguel de scooters.

Informações adicionais

Há caixa eletrônico do Banco do Brasil e da Caixa, banco Bradesco, guarda-volumes e fraldário.

Impressões finais sobre o Beto Carrero

O maior parque da América Latina me surpreendeu: achei o parque ótimo! Realmente um passeio família.

O que mais gostamos (não necessariamente nesta ordem):

  • O passeio de trem: Emocionante! Faça este passeio e sente no lado esquerdo. Tem bastante coisa do lado direito mas a casa do Beto Carrero e a surpresa acontece para quem está do lado esquerdo.
  • Show Sonho do Caubói (todos)
  • Passeio de teleférico.
  • Show Madagascar (sobrinhas).

Dinomagic. O momento família foi no agradável passeio de trem que revela algumas surpresas como a casa do Beto Carrero.

O que eu menos gostei:
Excalibur. Principalmente pela relação custo/benefício. Não gostei da comida. O que mais me irritou foi que o meu pai, sendo prioridade, foi o primeiro a entrar e o último a ser servido, uma falha imperdoável do garçom que atendeu aquela fileira. Só fomos almoçar quando o show começou.

O parque poderia adotar boas medidas que são utilizadas na Disney principalmente em alta temporada como as filas “Child Swap”, que é o revezamento que os pais fazem para poderem brincar e a “Single Rider”, que é uma fila só para quem não faz questão de ir sozinho nos brinquedos. Principalmente, a single rider é uma medida que ajudaria e muito a fila andar rápido. Assim como tem o bottom para o aniversariante, poderia ter o bottom para quem vem pela primeira vez. As crianças iriam adorar.

Planejando a viagem para o Beto Carrero

Onde ficar

O Beto Carrero World fica na cidade de Penha e para quem quer aproveitar única e exclusivamente o parque, aconselho a ficar por lá. Conversando com amigos que foram este ano, eles frisaram bem que a cidade de Penha não tem muita coisa a se fazer.  Há algumas pousadas bem próximas ao parque.

Eu me hospedei em Balneário Camboriú por ser uma cidade acessível a cadeirantes e porque há mais atrações na cidade que poderia agradar toda a família toda (9 a 70 anos). Para quem tem mais dias disponíveis na viagem, eu sugiro ficar nas cidades próximas.

Como chegar

O aeroporto mais próximo é o de Navegantes (NVT) – e não o de Florianópolis (FLN) como muita gente pensa.  Para quem vem do Rio, saiba que a GOL oferece um voo direto do Galeão para Navegantes que sai às 07:12 e a volta, também voo direto para o Rio sai às 19:42. Um bom modo de prolongar a viagem em final de semana. Fique sempre de olho nas promoções de passagens aéreas. A viagem dura 1 hora e meia.

mapa-penha

Créditos: Acertou na mosca

Quanto tempo ficar

Para adultos e adolescentes, dá para fazer o parque sim em um dia, desde que não haja longas filas. O melhor mesmo é reservar dois dias para conhecer tudo com mais calma. Ainda mais com crianças, que adoram ir em brinquedos mais de uma vez. Com dois dias, ainda fica mais tranquilo assistir a todos os shows que tem horários determinados.  Nós no primeiro dia, fomos aos brinquedos e assistimos ao show Sonho do Caubói. No segundo dia, os outros shows e brinquedos que faltavam.

A viagem para conhecer o parque cabe direitinho em um final de semana. Como eu já disse, agrada a família inteira.  O parque é bem conservado e muito limpo. O tratamento dos funcionários é ótimo.  Tudo muito profissional! Tenho certeza que vão gostar, principalmente as crianças.

 

 

 

 

75 Comentários

  1. nayara rocha disse:

    amei as dicar, to indo pra la em dezembro mas ja estou pesquisando pra saber como aproveitar melhor a viajem que vai ser longa de goiania a sc, to com medo de estar lotado o parque ja que sera nas ferias. mas to na esperan;a de nao estar muito cheio ja que vou no meio da semana.

  2. Jacilene disse:

    caramba depois de tantos dicas
    estou preocupada, estaremos indo agora em Maio e 2017 comemorar o aniversário de minha filha 15 anos lá
    Já vi que tudo lá é caro ! será que poderia entrar com o um mini bolo ou tem alguma restrição.? E roupa o que devemos levar…

    • Pat Alves disse:

      Jacilene,

      Manda um e-mail para lá para perguntar sobre minibolo. Roupa? Não sei como é o tempo em maio mas para as atrações molhadas, é bom levar roupa sobressalente na mochila.

  3. Raquel disse:

    adorei suas dicas.
    parabéns por divulgar pontos positivos e negativos que assim podemos reavaliar nossa programação.

  4. ana paula caldeira de souza landi disse:

    boa tarde estarei indo dia 22/09/2016 queria saber se no beto carrero possui alguma atracao no gelo ou alguma coisa referente a neve meu filho adora

  5. Edna disse:

    Ótimas dicas, na última vez que estive no Beto Carrero fiquei na Casa Miriam Santa Catarina, muito bem localizada, limpa, aconchegante, preço bom, pessoal atencioso.
    Sempre indico para meus conhecidos!

  6. Paula disse:

    Oi, eu e meu noivo vamos agora dia 14 de julho. Sei que está frio lá.
    Para o beto carrero eu morreria de frio se fosse de short jeans? Sou de Salvador (bem quente! rsrs)
    E os brinquedos que molham? É só a parte de cima do corpo? O ideal é levar uma blsa extra, ou nao tem necessidade?
    Obrigada!! Adorei as dicas. Bjs

  7. Rebeca Cruz disse:

    Oi, você saberia me dizer como é o tempo lá em junho,pois irei pra lá dia 16 / 06 / 2016.

  8. Rayla santana disse:

    Ameiii as dicas me ajudou muito vou em 2017 em abril,vc sabe me dizer como é o tempo em abril?? Ah vou ficar em balneario gostaria de uma dica de como ir pro parque se de onibus ou tem outras conduçao nao to querendo alugar carro..bjuss

    • Pat Alves disse:

      Rayla,
      Não sei como é o tempo no mês de abril. Quanto ao transporte, há a agência que eu recomendei, a San Rafael Turismo. Também há outras como a Lufer e a Jopavi Turismo.

  9. Jessica disse:

    Amei as dicas, vou em março de 2017, o mega empolgada.
    Vou ficar quatro dias vou fazer dois de parque, e os outros dois To querendo conhecer,Florianópolis, belnario,vc tem alguma fica de passeio por esses lugares.
    Muito obrigada pelas dicas; vou montar o meu roteiro.

    • Pat Alves disse:

      Jéssica, a viagem é só com adultos ou tem criança? Eu acho que Floripa pode ter uma viagem exclusiva para ela. Dois dias não é o suficiente. Gosto de Balneário. Cidade agradável e preenche estes dois dias que você tem de sobra. Mas caso não você gosta de praia e com águas mais mornas, eu gostei das praias do município de Bombinhas. Mas para ir lá, acho melhor alugar carro.

  10. Charles disse:

    Excelentes dicas!

    Com relação a hospedagem, pretendo ficar 5 dias com minha mulher e dois filhos de 3 e 9 anos. Dois dias no parque e os demais no Balneário Camboriu.

    Vc tem dicas de hospedagem?

  11. Mariana disse:

    Olá. Eu gostei das dicas vai me servir bastante, pois vou agora dia 8 de dezembro e terei dois dias para conhecer o parque,porém irei sozinha e contratei uma agência de viagem mas não sei se vai valer a pena ir em um parque tão legal como ese e ficar numa cidade tao linda como Balneário Camboriú sem nenhuma companhia. Você tem alguma dica para esses casos?

    • Pat Alves disse:

      Olha, já viajei várias vezes sozinha. Sempre acabo fazendo amizade com algumas pessoas que conheci que também viajavam pelos receptivos. Houve vezes de estar sozinha na praia, mas sem problemas. Vá com intenção de se divertir, que tudo dará certo.

  12. Ana disse:

    Olá!
    Vc pode me dizer se tem revista de bolsas e mochilas?
    Gostaria de levar algumas bolachinhas p as crianças.
    Obrigada

  13. marcia disse:

    Gostaria de saber se há aluguel de carrinhos para crianças no parque

  14. Ariel disse:

    Gostaria de saber sera que minha namorada pode entrar CMG ela tem 16 anos eu 19 anos obrigado ótimas dicas

    • Pat Alves disse:

      Oi!
      Olha não sei se há impedimentos. Sugiro entrar em contato com o parque por telefone ou e-mail (veja o contato no site do Beto Carrero).

  15. Beatriz disse:

    ola , adorei suas dicas irei lá em uma excursão no próximo mês , gostaria de saber se vale a pena o fura fila ? E Oq mais gostaria de saber é mais ou menos o preço do fura fila ??
    Muito obrigada pela atenção
    BEATRIZ

    • Pat Alves disse:

      Oi, Beatriz!

      Fiquei sabendo do fura-filas. No meu tempo não tinha isso não. Eu acho que o fura-filas deve ser essencial em alta temporada. Meus amigos vão no feriado de 7 de setembro e eu fico só imaginando o filão que vão pegar. Eu li que custava R$ 60 mas eu não tenho confirmado se é verdade ou não.

  16. Adriana disse:

    Gostei muito das dicas, mas me tira uma duvida, sabe como é a frequência lá no mês de Maio? No site diz que é baixa temporada, mas esse baixa temporada, aos fins de semana, por exemplo, são filas de quanto tempo? 40 minutos eu acho razoável…3 horas é demais!!!
    Consegue me tirar essa duvida?
    Bjs…

  17. sandra Pereira Cardoso disse:

    Boa noite,
    Gostaria de saber se na data de 27/03 à 30/03 e calor qual roupas usar ?
    E se e cheio esse período.

  18. lorena disse:

    boa noite, gostaria de saber se em baixa temporada, nos dias de sabado e domingo fica muito cheio, e se vou enfrentar filas, ou se émelhor ir na quinta ou sexta? obrigada

  19. Oii porfavor gostaria de me informar qual os documentos que precisam Eu para entrar no beto carrero tenho 14 anos

  20. Guilherme Abrão disse:

    Alguém saberia me informar quando é a época de chuvas na região? É que, pelo jeito, o que mais pode prejudicar o parque é a chuva.

  21. Mônica Santana disse:

    Durante as férias de janeiro o parque fica lotado todos os dias, com filas que duram cerca de 2:30 a 3:00 horas, principalmente nos brinquedos radicais. Para que está disposto a gastar um pouco mais tem o fast past, um fura fila institucionalizado, que acaba fazendo as filas demorarem ainda mais para que não os tem.Com crianças pequenas, sugiro ainda a cadeira elétrica. Fora as filas o parque é bastante interessante, com muita opção de diversão nos brinquedos para diferentes idades, lanchonetes com preços elevadíssimos, área verde para passeio, zoológico. Considero sábado e domingo os dias mais vazios.

  22. Luciane disse:

    Oi…adorei suas dicas. Vou ficar e Penha 3 dias com minha filha de 9 anos, mas será feriado nacional, ninguém do grupo curte montanha russa(só as mais leves, infantis mesmo). Acha q precisaremos de 2 dias de parque?

    • Pat Alves disse:

      Olha, acho que dá para fazer em um dia. Montanha russa para adultos só tem uma (acho). Mas tem uns brinquedos radicais. O que mais amarra são os shows que tem hora marcada. Chegando cedo, talvez dê tempo sim. Só não sei se dará para ver todos os shows.

    • Pat Alves disse:

      Olha, acho que dá para fazer em um dia. Montanha russa para adultos só tem duas. Mas tem uns brinquedos radicais. O que mais amarra são os shows que tem hora marcada. Chegando cedo, talvez dê tempo sim. Só não sei se dará para ver todos os shows.

  23. Ana Claudia disse:

    Olá, Paty.
    Tb sou do RJ e adorei suas dicas. Vou com meu filho de 10 anos agora no final de janeiro. Queria saber dicas sobre as roupas, trajes? Vc pode me ajudar, calça jeans, tênis, bermuda, camiseta ou agasalho?

  24. Amanda disse:

    Ola Pat,

    Irei visitar o parque no mês de Agosto, minha flha completa 4 anos neste mês e eu e meu esposo iremos presentea-la com a viagem, voce acha que em agosto é frio la? E com relação a valores, quanto acha que devemos levar para a viagem?? Nós iremos ficar la 3 dias…

    Beijinhos… Adorei seu site 😉

    • Pat Alves disse:

      Amanda,
      Não sei dizer. Tenho um amigo que foi no finalzinho de julho de 2014. Perguntarei como foi o tempo por lá e te respondo depois, ok?
      Obrigada pelo elogio!

  25. Joyce Souza disse:

    Meu sonho é ir no beto Carrero, quero ir no dia do meu aniversário. Mas.. O meu pai tá pensando que é furada o bcw. :'(

  26. Bruna disse:

    Adorei seus comentários, esta sendo muito válido (para mim), estou indo hj para penha ficarei hospedada num hotel e sábado passaremos o dia no parte.

    Bjs!

  27. Luciane disse:

    Olá, adorei as dicas
    EStamos planejando ir em novembro, sabe dizer se nesta época a região chove muito? Meu filho tem 4 anos, será que tem bastante diversão pra ele lá?

    Obrigada e parabéns

    • Pat Alves disse:

      Olha, tem as praias. Criança gosta de água, não é mesmo? Também tem o Museu do Descobrimento, as piscinas naturais que o pessoal de lá chama de Recife de Fora, tem o parque aquático em Arraial… Acho sim que seu filho vai gostar.

  28. Liliane disse:

    Ir ao beto carero foi um sonho estou pretendendo ir nova mente legal 😀

  29. sandro disse:

    Partindo BC com a familia em Novembro

  30. Fernanda disse:

    Não sei se vai poder me ajudar, vou p/ lá na semana do natal, você sabe me aconselhar se é melhor irmos no dia 25 (feriado de Natal) ou dia 26? Qual dia será menos lotado? Pois vou com 2 crianças e uma senhora DF. Obrigada!

  31. adna disse:

    ola adorei suas dicas. me falaram que tem que levar capa de chuva e verdade? vou dia 23 de outubro com minha familia.estamos ansiosas..rsrsrs bjs

    • Pat Alves disse:

      Ué, capa de chuva? Eu e nenhum dos meus amigos que foram com as famílias levaram. O brinquedo que eu vi que molha bastante é o Tchibum. Para este é melhor levar roupa extra. O Madagascar eu me molhei um pouco mas como estava calor, rapidinho a roupa secou. Se você tiver, leva! Não sei se adianta… Aproveite que eu acho que você já vai em época de calor,faça estes brinquedos no começo e divirta-se!

  32. Mariane disse:

    Oi Boa Tarde, vou mes que vem, e queria saber se pode entrar com a mochila com agua, bolacha, essas coisas? e pra ir nos brinquedos como por exemplo a montanha russa tem q levar a bolsa ou tem lugar pra deixar?? estou super ansiosa,obrigada….

    • Pat Alves disse:

      Mariane,

      Eu passei batido pelo seu comentário. Desculpe-me! Nós levamos bolsa com biscoito e água sim. Agora sobre o armário para a montanha russa eu não reparei!

  33. Bina disse:

    Que otimas dicas, muito obrigada! Voce poderia me ajudar a planejar um roteiro para 2 dias no parque que me ajudasse a aproveitar bem as atracoes para meu filho de 6 anos que esta com 1,35m de altura? E tambem gostaria de saber se voce indica o transfer ou locacao de um carro, nossa viagem sera dia 08 de agosto, voce acha que ainda pegaremos o parque muito cheio?
    Obrigada, um abraco!

  34. Flavia Rufto Justino disse:

    Olá Pat! Belíssimas dicas! Moramos em Mato Grosso do Sul e iremos em Janeiro de 2015 ao Beto Carrero! Temos dois filhos, um de 5 anos e outro de 3 anos. Pelo que descreveu, imagino que vão adorar! 🙂
    Tudo de bom pra você e obrigada por compartilhar!

  35. Rosana disse:

    Olá,Pat. Gostaria de saber se cadeirantes podem usar os brinquedos.

    Att
    Rosana

    • Pat Alves disse:

      Sim, Rosana mas nem todos os brinquedos. O que mais me marcou foi pode entrar com a cadeira de rodas no trenzinho. Assim toda a família pode fazer o passeio.

  36. sergio disse:

    olá bom dia!
    Gostaria de saber se vale apena eu levar minha filha de tres anos…e se tem bastantes brinquedos para essa idade.
    obrigado.

    • Pat Alves disse:

      Sérgio,

      Eu acho que vale sim. Além da parte da Terra da Fantasia (roda gigante, autopista, elefantinho voador (baby elefante)), tem os shows (que agradam toda a família e não são em ambiente muito escuro) e ainda tem o zoológico. Vi bastante criança pequena. Quanto aos shows, só não leve a criança para o show da Monga hein!

  37. Carolina disse:

    Gostei MUITO das suas dicas!
    Vou para o parques nesta sexta feira com minhas irmãs (17 e 13 anos) e meu filhote(5 anos)!

    Deus te abençoe!

  38. Andreia Rita disse:

    Boa tarde,

    Adorei suas dicas. Já estava animada a conhecer o parque porém agora muito mais!!

  39. Bruno disse:

    … saberia me dizer se vendem fura fila?
    um dia parece pouco para aproveitar as atrações!!!

    • Pat Alves disse:

      Não tem fura-filas. Bruno para um adulto dá para fazer sim em um dia. Fica corrido mas dá. Eu preferi fazer com calma e deixar o segundo dia para os shows.

  40. Natacha Pamplona disse:

    Olá, também sou do RJ! Visitei o Beto em janeiro de 2013 e pretendo voltar em fevereiro do ano que vem. Irei nessa mesma época (22/02). Gostaria de saber se o parque é mais vazio em fevereiro e como ficam as filas da área radical, pois em janeiro peguei filas enormes! Consegui andar em tudo, mas sofri com a espera. Adorei o seu blog! Beijos…

    • Pat Alves disse:

      Natacha,

      Fevereiro e antes do Carnaval foi supertranquilo. Não pegamos filas. Exceto no Madagascar porque foi o dia da inauguração.

  41. Adoro seu site!
    Suas dicas são muito completas…lendo este post fiquei morrendo de vontade de conhecer o parque!

    Bjim!

Deixe seu comentário