Havana: o que ver e fazer, quanto tempo ficar e onde ficar

6 maio 2016

A capital de Cuba é um lugar repleto de História e tradição em eventos culturais. Ao pisar em Havana, imediatamente parece que fizemos uma passagem no tempo: Carros antigos e edificações (tanto as más conservadas como as já restauradas) nos fazem imaginar a elegância e o charme da Havana de décadas atrás e nos dá a sensação de estar caminhando em um museu a céu aberto.

O que ver e fazer em Havana

Habana Vieja

É o Centro Histórico da cidade,declarado patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Os edifícios, palacetes, praças, igrejas e monumentos tem importância histórica e mostram diferentes estilos arquitetônicos. O melhor maneira de conhecer Habana Vieja é a pé.

Mapa Habana Vieja
Fonte: Habanavieja.com

Destaco:

  • Plaza de Armas
  • Plaza San Francisco
  • Plaza de la Catedral
  • Plaza Vieja
  • Calle Obispo: A rua mais famosa de Habana Vieja.
  • Calle O’Reilly
  • Paseo del Prado: Oficialmente Paseo Martí,
  • Museu de la Revolución
  • Malecón

Vedado

  • Plaza de La Revolución
  • Sorveteria Copellia
  • Hotel Nacional
  • Hotel Habana Libre

Quanto tempo ficar em Havana

Eu acho que quatro dias inteiros é bom período para conhecer a maioria das atrações em Havana sem correria. Dois dias para Habana Vieja, um dia para as atrações do bairro Vedado e mais um dia para as atrações mais distantes.

Onde ficar hospedado em Havana

É um consenso geral:  as melhores opções são os bairros de Habana Vieja, Centro Habana ou Vedado. Eu fiquei em Centro Habana, a duas quadras do Hotel Inglaterra. Achei a localização ótima (veja a imagem na parte do relato que eu falo dos endereços em Cuba, no post anterior).

Indicação de casa particular
Agustina Pérez
Calle Indústria, 305 apt 402 entre Neptuno y San Miguel.
E-mail: agustinarentahabana@gmail.com
Telefones: (53) 7864-6580 (fixo) e (53) 5281-4326 (celular).
Preços: café da manhã 5 CUC, diária 25 CUC

Dona Agustina é um amor! Eu fiquei em um quarto com cama de casal. O quarto tem ar condicionado e ventilador. A casa é silenciosa (isso é importante para mim). O café da manhã para mim também foi ótimo. Hospedei-me lá por indicação de um colega de trabalho. Quando voltar em Cuba, ficarei por lá. Reserve com antecedência e confirme se você ficará hospedado lá ou na casa da vizinha (os cubanos tem essa prática).

Indicação de casa particular
Marilín González
Calle Industria, 308 entre Neptuno y San Miguel
E-mail: marilinrun2@nauta.cu ou marilinrun2@nautacom.cu
Telefones: (53) 7860-0591 (fixo) e (53) 5283-0902 (celular)

Na chegada a Havana, acabei ficando na casa particular da amiga da dona Agustina, na casa da Marilín. Também muito amável. Igualmente fiquei em um quarto com cama de casal e banheiro privado. Ela e a Deisli, que ajuda na arrumação dos quartos, são boas de papo e eu aproveitei e aprendi muita coisa sobre o dia-a-dia dos cubanos. Só tem um problema: se você gosta de dormir até tarde e tem sono leve, você pode ser acordado por um despertador que não pára de tocar ou ser acordado pela dona Marilín chamando a filha para ir para escola. Eu tenho sono leve mas acordo cedo e isso não me incomodou.

Indicação de casas particulares por outros turistas

Não querendo dar uma de Silvio Santos em décadas passadas, eu deixarei uma indicação de casa particular muito elogiada por um casal de argentinos que conheci em Trinidad.  Segundo eles, as três vezes que estiveram em Havana, ficaram nesta casa. Disseram que a dona da casa, a Maritza, é descolada, que ajuda aos hóspedes a conseguirem fechar passeios e táxi compartilhados (o chamado jogo de cintura). A casa localiza-se próximo ao hotel Habana Libre.

Quero deixar bem claro que não fiquei na casa. A minha sugestão é que você verifique as opiniões de outros hóspedes pela internet afora (por exemplo, Trip Advisor).

Maritza y Manolo
Calle San Miguel, 959 entre Espada y San Francisco – Centro Habana

Explicando sobre o Silvio Santos: Havia uma sessão de filmes logo após seu8i7 programa e ele pedia que seu público assistisse ao filme porque este era muito bom. Ele ressaltava que ele mesmo não tinha visto mas a filha sim e disse-lhe que era ótimo!


Categorias: América Central Cuba

Um comentário

  1. Malu Montenegro disse:

    Parabéns Pat!!!

    Como vc sumiu do face tive recorrer a outros meios…hahaha

    Que Deus continue te abençoando, muita saúde, sucesso e claro viagens. 🙂

    Bjo bjo

    Malu ( aniversariante do dia tbm! 🙂

Deixe seu comentário